Maçonaria seus juramentos e rituais pagãos.

A Profanação do Templo

O profano (iniciante) aproxima-se lentamente com os olhos vendados. Ao entrar na loja, o irmão “experto” toca-lhe o peito com a ponta de uma espada. Então, segue o seguinte interrogatório.

O Venerável pergunta: – Vês alguma coisa, senhor?

A resposta do profano é imediata: – Não, senhor.

O Venerável prossegue: – Sentes alguma impressão?

Profano: – O contato de um objeto aguçado sobre o peito.

Venerável: – A arma cuja ponta sentes simboliza o remorso que há de perseguir-vos se fordes traidor à associação a que desejais pertencer. O estado de cegueira em que vos achais é o símbolo do mortal que não conhece a estrada da virtude que ides principiar a percorrer. O que quereis de nós, senhor?

Profano: – Ser recebido maçom.

Venerável: – E esse desejo é filho de vosso coração, sem nenhum constrangimento ou sugestão?

Profano: – Sim, senhor.

Venerável: – Previno-vos, senhor, que a nossa ordem exigirá de vós um compromisso solene e terrível… Se vos tornardes maçom, encontrareis em nossos símbolos a terrível realidade do dever.

Depois de submetido a muitas indagações, o profano é conduzido ao altar dos juramentos e ajoelha-se com o joelho esquerdo, pondo a mão direita sobre a constituição e a Bíblia, que devem ter em cima a espada. À mão esquerda, o profano segura o compasso, apoiando-o no lado esquerdo do peito. Daí, todos se levantam e ouvem o seguinte juramento:

“Eu, (nome), juro e prometo, de minha livre e espontânea vontade, pela minha honra e pala minha fé, em presença do Supremo Arquiteto do Universo, que é Deus perante esta assembléia de maçons, solene e sinceramente, nunca revelar quaisquer dos mistérios que sempre ocultarei e nunca revelarei qualquer uma das artes secretas, partes ou pontos dos mistérios ocultos da maçonaria que me vão ser confiados, senão a um bom e legítimo irmão ou em loja regularmente constituída, nunca os escrever, gravar, traçar, imprimir ou empregar outros meios pelos quais possa divulgá-los. Juro também ajudar e defender meus irmãos em tudo o que puder e for necessário, e reconhecer como Potência Maçônica regular e legal no Brasil o Grande Oriente do Brasil, ao qual prestarei obediência. Se violar este juramento, seja-me arrancada a língua, o pescoço cortado, e meu corpo enterrado nas areias do mar, onde o fluxo e o refluxo das ondas me mergulhem em perpétuo esquecimento, sendo declarado sacrílego para com Deus, e desonrado para com todos os homens. Amém”.

Em seguida, o neófito é conduzido para uma sala contígua ao templo, onde já se encontram colocadas duas urnas com espírito de vinho aceso. Deitado no chão, sobre um pano preto, deve estar um irmão (maçon), como se estivesse morto, amortalhado com a capa do 1º Experto. Todos os irmãos estarão de pé, sem insígnias, e armados de espada que apontam o neófito. Este é então desvendado pelo Venerável e encontra-se subitamente num ambiente lúgubre, com inúmeras espadas voltadas para ele. E ouve as graves admoestações do Venerável:

“Este clarão pálido e lúgubre é o emblema do fogo sombrio que há de alumiar a vingança que preparamos aos covardes que perjuram. Essas espadas, contra vós dirigidas, estão nas mãos de inimigos irrecon-ciliáveis, prontos a embainhá-las no vosso peito se fordes tão infeliz que violeis vosso juramento”.1

Como bem se expressa o Dr. Boaventura Kloppenburg, temos de ponderar que não estamos lendo alguma peça teatral, nem um documento antigo de sombrias épocas de sangue e vingança, mas o ritual prescrito para iniciação no primeiro grau da maçonaria.

Daí a pergunta que não quer calar: “Pode o cristão submeter-se a um ritual e juramento imbuídos de aspectos explicitamente condenáveis pela Palavra de Deus? Como imaginar até mesmo um pastor diante desse sacramento de iniciação maçônico? Como congregar, sob o mesmo teto, evangélicos, espíritas, muçulmanos, umbandistas, católicos, budistas, entre outros grupos religiosos, em nome de uma entidade divina conhecida pelo título de ‘Grande Arquiteto do Universo’? Será que tais pessoas estão de fato adorando o Deus de Abraão, Isaque e Jacó? Ou seja, o Deus da Bíblia?”.

Dá para imaginar, por exemplo, um cristão indo a um templo hindu para participar de uma cerimônia? Tal cristão poderia presumir que, seguindo os rituais hindus, estaria adorando a Jesus, ainda que participando de uma oração grupal a Vishnu?

Suponhamos, ainda, que os hindus concordem em mudar o nome Vishnu para Grande Arquiteto do Universo. Ainda que façam isso, certos elementos dos rituais da adoração pagã, como, por exemplo, andar ou dançar em círculos, hão de permanecer. Com a substituição do nome “divino”, seria então aceitável ao cristão participar de uma cerimônia de adoração hindu? E se porventura os hindus permitissem ao cristão participar da liturgia, dos rituais e fazer as orações hindus em nome de Jesus, tal adoração tornar-se-ia cristã?

Escrevendo aos irmãos de Corinto, o apóstolo Paulo disse o seguinte:

“Antes digo que as coisas que os gentios sacrificam, as sacrificam aos demônios, e não a Deus. E não quero que sejais participantes com os demônios. Não podeis beber o cálice do Senhor e o cálice dos demônios; não podeis ser participantes da mesa do Senhor e da mesa dos demônios. Ou irritaremos o Senhor? Somos nós mais fortes do que ele?” (1Co 10.20-22).

“Não vos prendais a um jugo desigual com os infiéis. Pois que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que comunhão tem a luz com as trevas? E que consenso há entre Cristo e Belial? Ou que parte tem o fiel com o infiel? E que consenso tem o templo de Deus com os ídolos? Pois vós sois o santuário do Deus vivente, como Deus disse: Neles habitarei, e entre eles andarei; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Pelo que saí do meio deles, e apartai-vos, diz o Senhor. Não toqueis nada imundo, e eu vos receberei” (2Co 6.14-17).

Para abonar essa contestação, devemos antes conhecer alguns segredos dessa entidade tão secreta. Primeiramente, analisaremos vários trechos de livros e manuais da maçonaria, embora muitas obras de sua autoria ainda permaneçam na obscuridade para os de fora. Como referência, tomaremos os livros atuais (nacionais e internacionais), escritos por maçons do mais alto grau, que descrevem o que ocorre dentro das lojas. Ainda que algum maçom negue a autoridade absoluta desse ou daquele autor maçônico, não poderá, no entanto, negar que tais escritos representam a prática e o ensino da maçonaria brasileira e mundial. A análise que faremos será à luz da Bíblia, a única regra de fé e prática dos cristãos evangélicos (2Tm 3.16,17).

O presente artigo nada mais é do que uma reflexão para saber se existe a possibilidade de uma pessoa poder conciliar ou não o cristianismo e a maçonaria. E também para saber se, ao abraçar as duas, ela está participando de duas religiões ou de uma só.

Se porventura o leitor já tiver sua própria posição a respeito do assunto, que o Senhor Deus o ajude a analisar as informações aqui descritas detalhadamente e, sobretudo, a buscar o conhecimento da vontade de Deus, por meio da orientação do Espírito Santo e da própria Bíblia. Somente assim, querido leitor, você terá condições de reavaliar sua posição e defini-la à luz da Palavra de Deus (Ef 5.17).
Um pouco sobre a maçonaria

Segundo afirmações dos próprios maçons, a maçonaria não é uma sociedade secreta. “Isso é calúnia dos adversários”, apregoam. Dizem, ainda, em alto e bom som, que a maçonaria é discreta, não secreta. Na Constituição do Grande Oriente do Brasil, art. 17, onde se especifica os deveres das lojas, sob a letra p vem a seguinte norma: “nada expor, imprimir ou publicar sobre assunto maçônico, sem expressa autorização superior da autoridade a que estiver subordinada, salvo Constituições, Regulamentos Gerais, Regimentos Particulares, Rituais, Leis, Decretos e outras publicações já aprovadas pelos Poderes competentes. Toda e qualquer publicação atentatória dos princípios estabelecidos nesta Constituição ou da unidade da Ordem sujeitará os seus autores às penalidades da Lei”.

É rigorosamente proibido aos profanos (não-maçons) tomar parte nas sessões comuns das lojas, como está relatado no art.19, parágrafo único, da Constituição: “As oficinas, sob nenhum pretexto, poderão admitir em seus trabalhos maçons irregulares; deverão identificar os visitantes pela palavra semestral”.

Com essas declarações de documentos oficiais autênticos, chegamos à conclusão de que a maçonaria é uma sociedade verdadeiramente secreta, no sentido próprio da palavra.
Qual a relação entre o cristianismo e a maçonaria?

Para ser aceito na maçonaria, o profano tem de observar alguns deveres preestabelecidos:

1. “Reconhecer como irmãos todos os maçons regulares e prestar-lhes, e também às suas viúvas, ascendentes ou descendentes necessitados, todo auxílio que puder;

2. Freqüentar assiduamente os trabalhos das oficinas; aceitar e desempenhar, com probidade e zelo, todas as funções e encargos maçônicos que lhe forem confiados, além de esforçar-se pelo bem da Ordem em geral, da pátria e da humanidade;

3. Satisfazer com pontualidade as contribuições pecuniárias que, ordinária ou extraordinariamente, lhe forem legalmente atribuídas;

4. Nada imprimir nem publicar sobre assunto maçônico, ou que envolva o nome da instituição, sem expressa autorização do Grão Mestre, salvo quando em defesa da Ordem ou de qualquer maçom injustamente atacado;

5. Ajudar e proteger seus irmãos em quaisquer circunstâncias e, com risco da própria vida, defendê-los contra as injustiças dos homens;

6. Manter sempre, tanto na vida maçônica como no mundo profano, conduta digna e honesta, praticando o bem e a tolerância, respeitando escrupulosamente os ditames da honra, da probidade e da solidariedade humana, subordinando-se com-preenssivamente às disposições legais e aos poderes maçônicos constituídos;

7. Amar os seus irmãos, mantendo bem alta a flama da solidariedade que deve unir os maçons em toda a superfície da terra”.2

Entre os deveres aqui enumerados, temos de acrescentar o que consta no art.1, parágrafo 1, letra g desta mesma Constituição onde se encontra o “requisito essencial” para os profanos, candidatos à iniciação, sem o qual não serão aceitos: “não professar ideologias contrárias aos princípios maçônicos e democráticos”. Se ele infringir essas normas, o art. 32, nº 13, confere ao Grão Mestre Geral, ou ao seu substituto legal, a atribuição de “suspender, com motivos fundamentados, para que sejam eliminados pelos Poderes competentes os maçons que professarem ideologias ou doutrinas contrárias aos princípios da Ordem e da Democracia”.

Assim, como o cristão maçom pode compartilhar suas ideologias cristãs aos companheiros de loja? No Dicionário Filosófico de Maçonaria, de Rizzardo da Camino, 33º grau, membro fundador da Academia Maçônica de Letras, encontramos a seguinte definição para cristianismo:

“A religião cristã, em si, não é adotada pela maçonaria, mas, sim, os princípios cristãos. A maçonaria é adotada em todos os países e proclama a existência de Deus sob o nome de Grande Arquiteto do Universo; não importa a religião que o maçom siga, o que importa é a crença no Absoluto, no Poder Divino, em Deus, seja qual for o nome que se lhe der, como Jeová ou Alá”.3

Como podemos ver nessa de-claração, a maçonaria não adota o cristianismo e, conseqüentemente, não aceita a existência de Jesus Cristo como o único Deus. Negar a crença no Grande Arquiteto do Universo (G.A.D.U.) é impedimento absoluto para a iniciação na maçonaria4, entretanto, é indiferente a crença em Jesus Cristo ou em Buda. Ainda que em seus rituais os maçons falem em Deus ou do Ser Supremo, ignoram a Santíssima Trindade, não mencionando uma vez sequer o santo nome de Jesus. Na verdade, os maçons jamais se dirigem a Deus mediante a Cristo. Diante disso, o verdadeiro cristão não pode aprovar semelhante abstração do cristianismo e muito menos conviver com esse tipo de coisa.

As características distintas dos deuses das diferentes religiões são outra evidência de que eles não são a mesma pessoa. Por exemplo: Brahma, o deus hindu, engloba em si o bem e o mal; Alá, o deus do islamismo, dificilmente perdoa; mas Yahweh, o Deus dos cristãos, é um Deus zeloso (Êx 34.14).

Algumas religiões são politeístas, ou seja, têm vários deuses (como a dos egípcios e a dos gregos). Outras são monoteístas (como o judaísmo e o cristianismo). Os hindus acreditam na reencarnação, sendo que no hinduísmo pode-se regredir e reencarnar em um animal. Os cristãos crêem na ressurreição: à volta do espírito no mesmo corpo. Determinadas religiões acreditam na extinção da vida, enquanto outras pregam a imortalidade da alma ao lado de Deus. Há aquelas que dizem que os homens tornam-se deuses após várias reencarnações. Outras afirmam que só existiu e sempre existirá um único Deus. Diante disso, será que o ser humano pode adorar a deuses tão diferentes (e isso simultaneamente) como se fossem um só?

O sistema maçônico, especialmente o Rito Escocês Antigo e Aceito, pode ser chamado de “deísta”, ou seja, considera a existência de um deus impessoal, destituído de atributos morais e intelectuais, confundindo-se com a natureza5. Os deístas limitam a participação de Deus à criação, como se Ele tivesse deixado o mundo para ser governado pelas leis naturais.6 Esse sistema difere do “teísmo” cristão, no qual Deus é um Deus pessoal e interfere permanentemente no destino da humanidade.

Para entendermos melhor o deísmo maçônico, vejamos a declaração de Rizzardo da Camino: “Cada religião expressa Deus, com nome diferente, como os israelitas que o denominam de ‘Jeová’; isso não importa, o que vale é sabermos que esse Grande Arquiteto do Universo é Deus”.7

Os cristãos, no entanto, não concordam com essas palavras. Não é a mesma coisa adorar o Deus verdadeiro e um bezerro de ouro, como os israelistas fizeram no deserto (Êx 32.1-10; Ne 9.6-31). O Deus da Bíblia é pessoal e único. Ele se preocupa com as pessoas e não abandonou a humanidade. Parece lógico seguir a todos os deuses, porque assim, no final, aquele que for o deus verdadeiro vai se manifestar em prol de seus seguidores. Mas o Deus das Escrituras não aceita ser comparado e muito menos igualado a outros deuses, simplesmente porque não existem outros deuses (Sl 115. 2-9). O nosso Senhor não aceita concorrência e estabelece que sejamos fiéis ao seu nome: “Assim diz o Senhor, Rei de Israel, seu Redentor, o Senhor dos Exércitos: Eu sou o primeiro, e eu sou o último, e além de mim não há Deus” (Is 44.6). “… guarda-te para que não esqueças o Senhor, que te tirou da terra do Egito, da casa da servidão. O Senhor teu Deus temerás, a Ele servirás, e pelo seu nome jurarás. Não seguirás outros deuses, nenhum dos deuses dos povos que houver à roda de ti” (Dt 6.12-14).

O indiferentismo perante Cristo é impossível: “Quem não é comigo é contra mim” (Mt 12.30), disse Jesus. Mas o verdadeiro maçom, em virtude dos “princípios estabelecidos” pela maçonaria, não pode estar com Cristo seguindo todos os seus ensinamentos e obedecer a todos os mandamentos maçons. Não é possível ser maçom verdadeiro e regular e, ao mesmo tempo, cristão autêntico e convicto.
A maçonaria é uma religião?

O primeiro e principal dever de cada loja maçônica, de acordo com a determinação do art.17, letra a, da Constituição do Grande Oriente do Brasil, é este: “observar cuidadosamente tudo quanto diz respeito ao espírito e à forma da instituição, cumprindo e fazendo cumprir a Constituição, as leis e as decisões dos Altos Corpos da Ordem”.

Antes de qualquer coisa, vamos analisar o que é religião. No Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa, temos a seguinte definição: “culto prestado a uma divindade…”. Essa definição encaixa-se perfeitamente bem com as palavras de Rizzardo da Camino, 33º grau maçônico, autor de mais de quarenta livros: “O maçom, dentro do templo maçônico, através da liturgia, cultua o grande arquiteto do universo”8. Com isso fica provado que o que acontece dentro da loja maçônica nada mais é do que um culto de adoração a uma divindade, ao Grande Arquiteto do Universo (G.A.D.U.).

Existe um sistema de adoração dentro das lojas, conforme as palavras do maçom Carl H. Claudy: “As lojas da maçonaria são construídas para Deus. Simbolicamente, ‘construir para Deus’ significa edificar algo em honra, adoração e reverência a Ele. Mal o neófito entra no Portão Ocidental recebe a impressão de que a maçonaria adora a Deus”.9 Vejamos ainda o que diz o importante autor maçônico Henry Wilson Coil, em sua Enciclopédia Maçônica: “A ma-çonaria certamente exige a crença na existência de um Ser Supremo, a quem o homem tem de prestar contas e de quem depende. O que a igreja pode acrescentar a isso, exceto levar o indivíduo à comunhão com aqueles que tenham os mesmos sentimentos?… É exatamente isso que a Loja faz”.10

Como a maçonaria exige a crença no Grande Arquiteto do Universo e na imortalidade da alma para que o candidato se torne maçom, isto se torna uma grande evidência de que essa entidade é religiosa e possui um credo ou uma doutrina. Na cerimônia de admissão e a cada passagem de grau são feitos juramentos que nada mais são do que promessas ou profissões de fé no Grande Arquiteto do Universo e na fraternidade maçônica.

Diante de tudo o que vimos, como fica então? Podemos chamar a loja de templo, mas não de igreja? De fraternidade, mas não de religião? As invocações lá realizadas não são adorações? As liturgias não são cultos? A iniciação não é um tipo de batismo?

Será que as pessoas que insistem em negar a religiosidade da maçonaria não estão com as mentes fechadas? Ou será que escondem que a maçonaria é uma religião para que possam infiltrar-se nas igrejas? Uma coisa é certa: o cristão maçom pode negar que freqüenta duas religiões ao mesmo tempo, mas a sua declaração não muda os fatos.
Os praticantes da maçonaria

Sabemos que a maçonaria aceita qualquer pessoa, independente de seu credo religioso. A loja recebe muçulmanos, espíritas, budistas, entre outros, como membros. E também satanistas, magos e bruxos, inclusive nos mais altos graus. Nomes como Aleister Crowley, Albert Pike, Lynn F. Perkins (fundador da Nova Era), Jorge Adoum (Mago Jefa), Charles W. Leadbeater e o mágico Manly P. Hall11 constam de sua lista de participantes.

William Schnoebelen conta que era bruxo quando foi admitido na maçonaria. Para ele, o G.A.D.U. era o próprio Lúcifer (o diabo). Com o tempo, ele descobriu outros satanistas que também faziam parte do grupo12. Parece difícil conciliar cristãos e satanistas sob o mesmo teto, mas isso realmente acontece na maçonaria. Albert Pike, um dos grandes líderes maçons, escreveu que Lúcifer é deus e “portador da luz” e que a maçonaria deve seguir a doutrina luciferiana:

“A religião maçônica deve ser, por todos nós iniciados do alto grau, mantida na pureza da doutrina luciferiana. Se Lúcifer não fosse deus, será que Adonai, cujas ações provam sua crueldade, perfídia e ódio pelos homens, barbarismo e repulsa pela ciência, e seus sacerdotes o caluniariam? Sim, Lúcifer é deus, e infelizmente Adonai também é deus. Pois a lei eterna é que não há branco sem o preto, pois o absoluto só pode existir como dois deuses: as trevas são necessárias como moldura para a luz, assim como o pedestal é necessário para o que é imponente… Desta forma, a doutrina do satanismo é uma heresia; a religião filosófica pura e verdadeira é a crença em Lúcifer, o equivalente de Adonai; mas Lúcifer, deus da luz e deus do bem, está batalhando pela humanidade contra Adonai, o deus das trevas e do mal”.13

No hebraico, o termo Adonai significa literalmente “Senhor” ou “Mestre”. É sinônimo de Yahweh (transcrito como “Senhor” na Bíblia de Almeida) e Elohim (traduzido “Deus”, ou seja, o nosso Deus). Albert Pike diz, absurdamente, que o nosso Deus é o deus das trevas, que odeia os homens! Que contraste com a revelação bíblica, que afirma: “Há muito que o Senhor me apareceu, dizendo: Porquanto com amor eterno te amei, por isso com benignidade te atraí” (Jr 31.3). E ainda: “Nisto está o amor, não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou a nós, e enviou seu Filho para propiciação pelos nossos pecados” (1Jo 4.10).

A maçonaria não aceita, e nem poderia aceitar, o cristianismo, porque é impossível conciliar cristianismo e satanismo. O Deus que para nós é o Deus do bem, para o líder maçom é o deus do mal. Será que o cristão pode submeter-se a isso: adorar o Grande Arquiteto do Universo (G.A.D.U.), que na maçonaria pode ser o próprio diabo?
O valor da Bíblia

Na Enciclopédia Maçônica de Coil, lemos o seguinte: “A opinião maçônica prevalecente é a de que a Bíblia é apenas um símbolo da Vontade, Lei ou Revelação Divina, e não que o seu conteúdo seja a Lei Divina, inspirada ou revelada. Até hoje, nenhuma autoridade tem mantido que um maçom deve acreditar na Bíblia ou em qualquer parte dela”14. Para a maçonaria, a Bíblia é “uma das três grandes luzes emblemáticas”, sendo colocada no mesmo patamar dos seus símbolos (esquadro e compasso). Mesmo que Coil não negasse o conteúdo divino da Palavra de Deus, esta atitude comparativa já seria suficiente para demonstrar que a Bíblia não é mais importante do que os símbolos maçônicos. Além disso, segundo a doutrina maçônica, ela pode ser substituída por qualquer outro livro de religião fluente no país. Nos países islâmicos, por exemplo, usa-se o Alcorão, em Israel, a Torá etc. Alguns maçons dizem que a Bíblia é um “livro sagrado” para a loja, mas se ela pode ser substituída por outros livros, então não é sagrada, já que um objeto sagrado é insubstituível.

Oliver Day Street, outro erudito da loja, chega a dizer o seguinte: “Nenhuma loja entre nós deve ser aberta sem sua presença (da Bíblia). Mesmo assim, ela não é mais do que um símbolo… Não há nada de sagrado ou santo no mero livro. É só papel comum… Qualquer outro livro com o mesmo significado serviria…”.15 Outro maçom, J.W. Acker, afasta qualquer semelhança entre a maçonaria e o cristianismo bíblico ao declarar: “Os judeus, os chineses, os turcos, cada um rejeita ou o Antigo ou o Novo Testamento, ou ambos, e ainda assim não vemos nenhuma boa razão por que não se devam tornar maçons. Na verdade, a Maçonaria da Loja Azul nada tem a ver com a Bíblia. Não se fundamenta na Bíblia. Se assim fosse, não seria Maçonaria”.16

Se para os maçons a Bíblia é apenas um enfeite ou uma parte da mobília da loja17, a opinião dos cristãos é diferente, pois, de acordo com o apóstolo Pedro, “… nenhuma profecia da Escritura é de particular interpretação. Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo” (2 Pe 1.20,21).
A Bíblia é a revelação de Deus aos homens!

Uma questão de escolha

Ser religioso não significa apenas freqüentar um local para prestar culto. É muito mais que isso. Ser religioso é seguir fielmente a doutrina que professa. Se a pessoa crê em Cristo, deve ser de Cristo. Se acredita no Alcorão, deve ser islâmica. Não importa se o caminho que escolheu é certo ou errado. Deve ser firme, convicta. Lembremo-nos do que Cristo disse em Mateus 12.30: “Quem não é por mim, é contra mim; e quem comigo não ajunta, espalha”.

Muitos maçons se dizem religiosos porque são líderes em suas Igrejas e ajudam os pobres. Publicamente louvam a Deus, mas no ambiente maçônico ajoelham-se diante do pentagrama e adoram os símbolos dos deuses do Egito e do pecado.

É uma pena que, apesar da controvérsia sobre o assunto, muitos cristãos ainda insistam em ser maçons, demonstrando que não são capazes de abdicar de seus interesses pessoais ou de uma série de interesses em prol da obra do Senhor Jesus. Ao invés de buscarem a união na Igreja, insistem em ser causa de divisão (Ef 4.3). Muitos demonstram e chegam a declarar abertamente que, se for preciso escolherem entre a loja e a Igreja, preferem permanecer na loja. É mesmo o fim dos tempos. Quantos estão apostatando da fé. Suas mentes estão cauterizadas (1Tm 4.1,2; Hb 3.12-19; 2Tm 4.3,4).

A verdade é que os maçons têm a maçonaria como uma religião, isto é, defendem-na como uma religião, freqüentam-na como uma religião. Muitos chegam a dizer que encontraram nessa entidade “paz” e “comunhão” que não encontraram na Igreja!18 Mas será que o mundo pode oferecer paz semelhante à que Cristo dá? O que Jesus diz em João 14.27?

A Palavra de Deus afirma que aquele que não concorda com as sãs palavras de Cristo é causador de questões e contendas (1Tm 6.3-5). Se a maçonaria se torna, cada vez mais, motivo de confusão e controvérsia entre os irmãos cristãos, por que insistir nessa dissensão? “Porque Deus não é de confusão; e, sim, de paz” (1Co 14.33). Dissensões e facções são obras da carne (Gl 5.19-21). O cristão que abraça a maçonaria escandaliza outros irmãos e coloca dúvidas nos recém-convertidos, que se confundem com opiniões divergentes dentro da Igreja.

O cristão maçom não leva apenas problemas para a Igreja, mas também para a sua casa. Ao chegar da loja, não pode contar nada do que aconteceu lá. É uma situação difícil para o lar cristão: o marido escondendo coisas da mulher. A esposa é aquela para quem ele jurou fidelidade e lealdade. É a sua companheira até que a morte os separe que não pode saber o que ele está fazendo fora de casa. Além da esposa, os filhos e outros familiares passam a viver em um ambiente de mistério e segredos. E isso não agrada o nosso Deus, que quer que sejamos sinceros e falemos sempre a verdade.

Os enigmas de Sansão trouxeram sérios problemas para a sua vida familiar (Jz 14.10-14). Não podemos nos esquecer disso!
GRAUS DO RITO ESCOCÊS

LOJA OU GRAUS SIMBÓLICOS

1. Aprediz
2. Companheiro
3. Mestre

GRAUS CAPITULARES

4. Mestre Secreto
5. Mestre Perfeito
6. Secretário Íntimo
7. Chefe e Juiz
8. Superintendente do Edifício
9. Mestre Eleito dos Nove
10. Ilustre Eleito dos Quinze
11. Sublime Mestre Eleito
12. Grande Mestre Arquiteto
13. Mestre do Arco Real de Salomão
14. Grande Eleito Maçon
15. Cavaleiro do Oriente ou da Espada
16. Príncipe de Jerusalém
17. Cavaleiro do Leste e Oeste
18. Cavaleiro da Ordem Rosa Cruz

GRAUS FILOSÓFICOS

19. Grande pontífice
20. Grande Ad-Vitam
21. Patriarca Noachita ou Prussiano
22. Cavaleiro do Machado Real
23. Chefe do Tabernáculo
24. Príncipe do Tabernáculo
25. Cavaleiro da Serpente de Bronze
26. Príncipe da Misericórdia
27. Comandante do Templo
28. Cavaleiro do Sol
29. Cavaleiro de Santo André
30. Cavaleiro Cadosh

GRAUS SUPERIORES

31. Inspetor Inquisidor
32. Mestre do Segredo Real
33. Grande Soberano Inspetor Geral
SÍMBOLOS DA MAÇONARIA

ESQUADRO: Significa a retidão, limitada por duas linhas: uma horizontal que representa a trajetória a percorrer na Terra, ou seja, o determinismo, o destino; e a outra vertical, o caminho para cima, dirigindo-se ao cosmo, ao universo, ao infinito, a Deus.

COMPASSO: Traça círculos e, abrindo e fechando, delimita espaços. Representa o senso da medida das coisas. Significa a medida das coisas.

NÍVEL: Representa a igualdade. Todos os homens devem ser nivelados no mesmo plano.

PRUMO: Indica que o maçom deve ser reto no julgamento, sem se deixar dominar pelo interesse, nem pela afeição.

CINZEL: Sugere o trabalho inteligente.Instrumento manejado pelo aprendiz com a mão esquerda. Como o cinzel é uma ferramenta que exige uma participação de outra (o malho), representa a inteligência humana, que isolada nada constrói.

PENTAGRAMA: Representação de um homem de pé com as pernas abertas e os braços esticados: indica o ser humano e a sua necessidade de ascensão.

COLUNAS: São três colunas no templo maçônico.Uma significa o lado masculino, a força; a outra o feminino, a beleza; a terceira, a sabedoria.

SOL: É a fonte da vida, a positividade da existência do homem.

AVENTAL: Usado por todos os maçons durante as sessões, o avental representa a pureza, a inocência.

ESPADA: É o símbolo da igualdade, da justiça e da honra. Corresponde à consciência e à presença divina na construção do templo.

DELTA LUMINOSO: Representa a presença de Deus, demonstrando a sua onisciência. É um triângulo com um olho no centro.

Fonte:http://www.lideranca.org

Responses

  1. A maçonaria praticamente ela e da Era Romana
    com as sua liderança e de verres que tem eu praticamente não sou maçon mas adimiro o fazem pela diciplina que tens .

  2. gostaria de me aprofundar en leitura sobre “massons,rosa cruzes,iluminatis, caveira e ossos,para ter sabedoria e naõ ficar indeciso sobre comentarios de leigos

    • Leia, aprenda e seja um pessoa capaz de dicernir e ter opinião própria, não seja um fantoche ignorante. Procure conhecimento meu caro.

  3. FAÇO DO COLEGA, MINHAS PALAVRAS:

    Bando de hipócritas imbecis que, a exemplo da Igreja Satanista da Idade Média, “COBRA” em nome de DEUS!!! Pastores ganhando altos salários, Igrejas “vendendo” a salvação… onde esses hipócritas imbecis acham que irão chegar com isso?! ESSE É UM PECADO MUITO PIOR DO QUE QUALQUER OUTRO ! Vão se lascar !!! H-I-P-Ó-C-R-I-T-A-S !!!!!!!!

  4. CONTE A HISTÓRIA VERDADEIRA DO SURGIMENTO DA IGREJA E DO PROTESTANTISMO. CONTE ONDE JESUS ESTEVE NO PERÍODO EM QUE NÃO É CITADO NA BÍBLIA. CONTE QUEM SELECIONOU OS TEXTOS QUE ENTRARAM NA BÍBLIA E QUEM A CRIOU. ESCLAREÇA SEU REBANHO À LUZ DE DEUS, NÃO À SOMBRA DAS IGREJAS.

    • vc é um idiota, são coisas que foi inscrita e faladas por que viu e repassada a muito tempo? acredite quem quiser vc não é obrigado e lêr e ouvir o que
      ñão quer..

  5. Maçonaria e o Cristianismo
    Segunda-feira, 16 de outubro de 2006 – 08h40m

    ESTATUTOS

    Em 1723 foi publicado o primeiro estatuto da novel organização (A Grande Loja de Londres) conhecido mundialmente como “Constituições de Anderson”, por ter sido compilada e redigida pelo Rev. Presbiteriano James Anderson (1680-1739). Outros dizem ser as “Constituições” obra. de seu prefaciador, o Rev. Anglicano João Teófilo Desaguliers (1683 – 1744) de família huguenote francesa que emigrou para a Inglaterra após a revogação do Édito de Nantes.

    INFLUËNCIA PROTESTANTE

    É inegável que a Maçonaria Moderna foi organizada sob influencia protestante. Os redatores do primeiro Estatuto (Anderson e Desaguliers) por suas crenças, não poderiam deixar de introduzir princípios evangélicos na nova organização, principalmente devido ao fim a que ela se destinava. Provavelmente devido a tais princípios, a Maçonaria se desenvolveu muito nos países onde predominava a influencia protestante (Inglaterra. Alemanha e América do Norte), propagando-se depois para o resto do mundo.*

    A MAÇONARIA E OS BATISTAS NO BRASIL

    Os emigrados dos EUA que se estabeleceram em Santa Bárbara em São Paulo fundaram em 10/09/1871 a Igreja Batista em Santa Bárbara (4. pg. 230), a primeira Igreja Batista estabelecida em solo brasileiro (Pr. Richard Ratcliff), fundaram também em 1874 a Loja Maçônica “George Washington” (4, pg. 44), onde se encontravam cerca de oito batistas sendo que pelo menos cinco deles foram também fundadores da Primeira Igreja, entre eles estava o Pr. Robert Porter Thomas .

    O Pr. Thomas foi interino por diversas oportunidades tanto na Primeira Igreja quanto na Igreja da Estação (2a), fundada em 02/11/1879 (Pr. Elias Hoton Quillin). O pastorado interino do Pr. Thomas nas duas Igrejas somou cerca de 25 anos de profícuo trabalho, sendo o que mais tempo pastoreou tais Igrejas.

    Em 12/07/1880, a pedido da Igreja da Estação, foi formado um Concílio reunindo as duas Igrejas, para Recepção e Consagração ao Ministério do Irmão Antônio Teixeira de Albuquerque, tendo sido batizado pelo Pr. Thomas. Foi moderador do Concílio que se realizou no salão da Loja Maçônica, o Pr. Ouillin, conforme se descreve na carta subscrita pelo moderador e pelo secretário do Concílio (4, pg. 249 – tradução e pg. 407 fac-símile do original) ao Foreign Mission Board of fhe Soufhern Baptist Convention (Richmond, VA., U. S.A. ).

    Destaco o fato curioso de que o Primeiro Pastor Batista Brasileiro, além de ter sido batizado por um Pastor que era Maçom foi ainda consagrado ao Ministério da Palavra no salão da Loja Maçônica.

    É importante recordar que a Igreja em Santa Bárbara era uma igreja missionária. Foi ela que insistiu e conseguiu, que a “Junta de Richmond” nomeasse missionários para o Brasil, estabelecendo-se então em Sta. Bárbara a “Missão Batista no Brasil”. O primeiro missionário foi o Pr. Ouillin (1878), com sustento próprio. Seguiram-se, sustentados pela “Junta”: Bagby (1880), Taylor (1882), Soper (1885), Putheff (1885) e outros sendo que Bagby, Soper e Putheff foram pastores da Igreja em Sta. Bárbara, que tinha entre seus membros, um expressivo grupo de maçons

    Em 1921, Salomão Luiz Ginsburg, Missionário da Junta de Missões Estrangeiras de Richmond, publicou o seu livro “Um Judeu Errante no Brasil “, sua autobiografia. Encontra-se em algumas partes de seu relato a descrição de sua condição de Maçom (5, pg. 82 e 83 ).**

    Da imensa obra de Ginsburg desejo destacar poucos tópicos. Foi Ginsburg o editor do primeiro Cantor Cristão (16 hinos) em 1891 e na edição atual do referido Cantor ele aparece como Autor ou Tradutor de 102 hinos. Destaco ainda, conforme nos informa o Pr. Ebenezer Soares Ferreira (veja O Jornal Batista nº 30 de 24/07/94), Ginsburg foi o fundador, na cidade de São Fidélis no Estado do Rio de Janeiro, da Loja Maçônica Auxílio à Virtude (02/07/1894) e da “Egreja DE CHRISTO, CHAMADA BATISTA” (27/07/1894). que foi a primeira Igreja Batista em São Fidélis Segundo o mesmo autor (9, pg. 64), o primeiro Templo Batista construído no Brasil, foi o da Primeira Igreja Batista de Campos, edificado sob o pastorado de Salomão Ginsburg e com a colaboração financeira dos Maçons.

    O Pastor José de Souza Marques, que foi Presidente da Convenção Batista Carioca e da Convenção Batista Brasileira, tendo em 1940, na Convenção da Bahia, organizado a Aliança dos Pastores Batistas Brasileiros, que mais tarde tomou o nome de Ordem dos Ministros Batistas do Brasil, permanecendo em sua Presidência até 1962, cujo fruto todos conhecem, exerceu cargos importantes na administração maçônica, tendo sido inclusive presidente, por muito tempo, do Supremo Tribunal de Justiça Maçônica. Ainda hoje, a única foto existente no Salão do Conselho do Palácio Maçônico do Lavradio, é a do Pr. Souza Marques. No mesmo Palácio, a sala de Tribunal de Justiça tem o nome de José de Souza Marques. Foi também Membro Efetivo do Supremo Conselho do Brasil para o Rito Escocês Antigo e Aceito, encontrando-se em sua sede em exposição, um retrato pintado a óleo do Pastor Souza Marques.

    Inúmeros outros Homens de Fé, verdadeiros cristãos, inclusive batistas de relevância na Denominação, têm sido maçons sem encontrar incompatibilidades entre a Fé Cristã e a prática Maçônica. ***

  6. RETIREM SEUS “TAPA-OLHOS”, ABRAM SUAS CABEÇAS E PROCUREM CONHECER SUAS PRÓPRIAS HISTÓRIAS. ESTAMOS EM TODOS, “TODOS” OS LUGARES ! NÓS BRIGAMOS COM A IGREJA CATÓLICA E FUNDAMOS A MAIORIA DAS IGREJAS PROTESTANTES. SOMOS PASTORES PRESBITERIANOS, BATISTAS, ANGLICANOS, CATÓLICOS, ADVENTISTAS, ENFIM… CONHEÇAM A HISTÓRIA DE SUAS INSTITUIÇÕES E PAREM DE FALAR BESTEIRA, POIS A MAÇONARIA LUTOU PARA QUE EXISTISSEM E MUITOS MAÇONS MORRERAM NA “SANTA INQUISIÇÃO” POR ESTE MOTIVO !!!!

    • Amigo, não conheço assim, a origem das igrejas evangélicas está na reforma com Martinho lutero e outros, Lutero, Luterana, a Presbiteriana é oriunda da Luterana, João Hus, Husleiana e originou as terminadas em ista ( metodistas, batistas e outras ). Não fale besteiras você e conheça mais um pouco do que vai falar. A respeito das atitudes da igreja na época, deixe por conta de DEUS, que ELE cobrará as injustiças que foram cometidas, e não venha você misturar as coisas. Estas pessoas que eram contras as atitudes da igreja, o fizeram e acredito que sim, o foram mesmo, agora nunca foram os fundadores de nada, muito menos das igrejas protestantes, como citou. Um abraço. Que DEUS abra os nossos corações e nos ensine a entender todas estas coisas.

      • Desculpe Samuel, mas a maçonaria fundou e investiu no crescimento da maioria das denominações protestantes, a batista e presbiteriana são as principais, mas pelo que pude ver na historia, ( sou professor de história ) a maçonaria fez muito mais do que sabemos, eles não mostram suas boas obras, mas a cruz vermelha, por exemplo, que salva milhões de vidas todos os anos é da maçonaria, assim como o escotismo, vários hospitais, etc. A maçonaria foi responsável pela maioria das melhorias do pais, como a independência do Brasil, guerra dos canudos, da farroupilha, libertação dos escravos, “princesa Isabel” foi fachada, lojas maçônicas meio que “forçaram” ela a tudo que fez. Outros como Mandela, Albert Sabin, e muitos outros que não me vem a mente no momento. Para ter uma ideia, só em Interlagos, São Paulo, a maçonaria cuida de mais de 4 mil crianças com, roupas, alimentos, educação e orientação para os pais, idosos e jovens, tudo isso só em um bairro. Nenhuma instituição no mundo conseguiu fazer nem 1 terço disso na historia, e na minha opinião, como historiador, se não tivéssemos a maçonaria na historia, hoje estaríamos em desgraça. Igrejas hoje, são empresas, negócios, a fé é vendida, até canetas ungidas para vestibular é vendido a 30 reais aos jovens, pastores milionários, ex-traficantes comandando igrejas enormes, pastores “poderosos” derrubam pessoas a distância com seus dedos, infelizmente essa é a imagem que os protestantes passam, porém, a maçonaria continua, quietinha e fazendo maravilhas para a humanidade sem ganhar 1 centavo e nem glória à si, pois a frase mãe da maçonaria é “Non nobis Domine, non nobis, sed nomini tuo da gloriam”, ou seja, Não a nós, Senhor, não a nós, mas pela Glória de teu nome.

  7. Parabens pelo Exclarecimento, a todos aqueles que não querem enxergar ou tem preguiça mental para pesquisar e entender o trabalho que
    os maçons vem executando para o bem da humanidade há muitos séculos.

  8. Meu respeito, admiração e porque não dizer amor pela maçonaria, tem origem em minha iniciação na Ordem DeMolay, fraternidade onde fiz dos ensinamentos maçonicos um referencial de boa conduta, integridade e moralidade que já me acompanhavam por mérito de meus pais.

    Todas as pessoas são livres para se expressar, pensar o que quer que seja, porém respeito é um direito de todo ser vivente, e respeitar a maçonaria é uma prova da vida em conformidade aos ensinamentos de Deus (G.A.D.U). Respeitem a ilibada Maçonaria pois ela respeita e jamais denigre a imagem de ninguém.

    Hudson Kerley… “DM” Capítulo Disciplina e Ordem Nºxxxxxxxxxxx

    • Deus tenha misericórdia de você! Maçonaria é satanismo puro!

  9. Com tristeza olhamos à nossa volta e lemos os registros bolorentos de eras passadas, sombrias e corrompidas. Mais de dezoito séculos passaram desde que Cristo, ensinando a Religião de Amor, foi crucificado e ela se transformou em uma religião de ódio. E suas Doutrinas não foram aceitas como verdadeiras, ainda que nominalmente, senão por um quarto da humanidade. Desde Sua morte, incalculáveis seres humanos viveram e morreram sem acreditar no que temos como essencial para a Salvação! E quantas, da multidão de almas, desde que as sombras densas e impenetráveis da idolatria e da superstição se estabeleceram na terra, apresentaram-se diante do Trono eterno de Deus para receber Seu julgamento?
    A Religião do Amor provou ser, ao longo de dezessete longos séculos, muito mais a religião do ódio. E infinitamente mais a religião das perseguições do que o Islamismo, sua rival inconquistável. Antes até do que os Apóstolos tivessem morrido, as heresias despontaram; e Deus odiou os nicolaístas(7), enquanto João, em Patmos, proclamava Sua ira iminente. As seitas se engalfinhavam e cada uma, ao assumir o poder, perseguia as outras até que o solo de todo o mundo cristão fosse irrigado com sangue, adubado com carne e branqueado com os ossos dos mártires, enquanto a engenhosidade humana concebia novos modos pelos quais as torturas e as agonias pudessem ser prolongadas e tornadas mais sofisticadas.

    • Meu amigo: Sou Judeu. O Islamismo não é inimigo nem rival de nenhuma religião e nenhuma religião é inimiga de outra. Inimigos são os homens que deturpam a leitura dos seus livros sagrados, e agindo com má fé incitam e induzem outros homens ao erro.
      “Infeliz é o homem que acredita e confia em outro homem!”

  10. Se a maçonaria também comemora as quatro festividades anuais, isso é novidade para mim. Mas é certo que a Igreja Católica as celebra, considerando-as pois sagradas. Há um texto, em outro post, em que se pretende a festa “Halloween” como celebração maligna. Na verdade, nada há de misterioso, negativo ou satanico nsso. “Halloween” é uma contração da língua inglesa para a expressão “all hallow’s eve” que significa ‘Véspera de Todos os Santos’ (31/10) e apenas é celebrada de modo diferente ao da cultura católica. A consulta a uma boa enciclopédia trará mais luz ao assunto. A propósito, a leitura de verbetes de uma boa enciclopédia católica ou das religiões também vai demonstrar, pelos doutos da Igreja, que a Igreja Católica segue as quatro festas ditas “pagãs”, por alguns extremistas, as quais são cebradas como datas religiosas. Senão, vejamos: há duas celebrações de solstício e duas de equinócio, que são fenômenos da natureza, e não “coisas do diabo”. A consulta a um bom dicionário diz: * EQUINÓCIO – período do ano em que o sol cruza o equador e o dia e a noite têm a mesma duração. * SOLSTÍCIO – período do ano em que o sol encontra-se o mais distante possível do equador apesar de ainda haver muito sol. O solstício de verão começa com o dia mais longo do ano e o solstício de inverno com a noite mais longa. Que períodos são esses? Há 2 solstícios e 2 equinócios: EQUINÓCIO VERNAL (21/03) – ou Semana Santa, em data mais próxima. EQUINÓCIO OUTONAL (21/09) – ou Dia de Todos os Santos e Finados. SOLSTÍCIO DE VERÃO (21/06) – ou Corpus Christi, em data próxima – como é feriado demasiado móvel, raramente passando do dia 10, insituiu-se também o Dia do Sagrado Coração de Jesus como celebração fixa em 22/06. SOLSTÍCIO DE INVERNO (21/12) – Natividade, ou Natal. Tanto o catolicismo segue os solstícios e equinócios que o primeiro concílio geral da Igreja, o de Nicéia, no ano 325, determinou que a Páscoa cristã seria celebrada no domingo seguinte à primeira Lua cheia após o equinócio da primavera do hemisfério Norte (21 de março). A razão disso estava em que a celebração deveria ocorrer após o equinócio. Como o catolicismo é minoria nos países anglo-saxões, onde predomina o protestantismo, as celebrações são diferentes. Cumpre acrescentar, porém, que o evangelismo tradicional e sadio (com suporte teológico), e o protestantismo, de que são ramos a Igreja Luterana e os Metodistas, não promove perseguições quaisquer, sejam religiosas ou filosóficas, ficando a responsabilidade pelas perseguições por conta do movimento Pentecostal e seu comportamento instável e excêntrico. No mais, qualquer incompreensão relativamente a essas festas deve ser creditada à conta do elevado grau de superstição do brasileiro. A multiplicidade de crenças supersticiosas é um fenômeno típico do Brasil, como resultado de sua diversidade cultural (européia, africana e indígena), e muita tolice é dita por conta da falta de cultura geral e estudo – realidades inconfessáveis de um país gigante.

  11. com todo respeito aos que se sentiram ofendidos mas tenho certeza cada vez mais de que SÒ JESUS CRISTO salva,todos querem saber mais do que o outros e na verdade estão mesmo é confusos.se dessem toda atenção a BIBLIA como dão aos livros de doutrinas encontrariam respostas que procuram.só que a BIBLIA SAGRADA não prega a felicidade através de conquistas materiais e sim espirituais,sendo que um espirito ligado ao DEUS DE ABRAÃO,ISAAQ E JACÓ é um predestinado a vitória.não deixem que os “sábios da terra” determine sua vida,voçêjá nasceu com um plano de DEUS para sua vida e esse plano não é só para algumas décadas, pense nisso e viva a maravilhosa esperança da vida eterna. QUE DEUS TE ABENÇOE AMÉM!!!!!!

  12. é, verdade, nós maçons adoramos o demônio…você têm razão, tenho que admitir…no maçonês te digo vai a P.`.Q.`.P.`.

    • 666 deixa-me dizer-te algo em maçonês:
      A P.`.Q.`.T` .P.` NÃO TE VAI SAFAR NO DIA DA DISTRUÍÇÃO TOTAL POR DESOBEDIÊNCIA Á DEUS E OBEDIÊNCIA AO DIABO! E TAMBÉM POR CAUSA DA TUA GRANDE BOCA NEM TERÁS TEMPO PARA RESPONDER A QUALQUER JULGAMENTO EM QUE FORES INDICADO, PORTANTO, ESTA É A TUA ÚLTIMA E ÚNICA OPORTUNIDADE DE TE REDIMIRES E ACEITAR A DEUS…OU TAMBÉM PODES NÃO O FAZER E NA SEQUÊNCIA SERES LANÇADO JUNTAMENTE COM A TUA BESTINHA NA TERRA DO FOGO (INFERNO) ONDE SERÁS UM IMORTAL MAS QUEIMANDO TODOS OS DIAS LENTAMENTE SENTINDO A DOR DA QUEIMADURA MAS SEM MORRERES, E ISSO MEU IRMÃO…SERÁ…PARA TODO O SEMPRE…
      he he he he heh….

  13. Atenção:
    A prática, indução ou incitação de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional, por meio da Internet, constitui crime punido com reclusão de 2 (dois) a 5 (cinco) anos e multa, conforme determina a Lei 7.716/89 em seu artigo 20, § 2°. Denuncie !

    • Com este eu concordo em gênero, número e grau. Parabéns!!!!!! Foi conclusivo.

      • despertem e larguem essa droga, esse café, chocolate e principalmente protejam vossas crianças pois santanás vai começar a cobrar!!!!!!…k pena k tenho de vocês…tudo para ficarem ricos?? eu rezo por vocês…

  14. Ser maçom é estar a um passo de ser ateu, porem são poucos os maçons que assim se reconhecem após perceber a verdade!

    • Por favor: Não fale e não escreva sobre o que não tenha conhecimento!

  15. Para bens esclareceu muitas duvida.
    Obrigado, tenha uma ótima semana.
    Jesus mesmo diz em parábolas.
    Bem-aventurados, porem, os vossos
    Olhos, porque vêem; e os vossos ouvidos,
    Por que ouvem. Mateus 13: 16.
    Jesus te ama muito seque o verdadeiro caminho,
    Que de Jesus cristo amem…

    • Não esclareceu nada. Ele não tem conhecimento sobre o assunto.

  16. UMA COISA TODOS PODEM TER CTZ A MAÇONARIA E O PROTESTANTISMO TEM UM SO PROPOSITO,SE TORNAREM FORTES UNINDO SE PRA DESTRUIREM A SANTA IGREJA DE DEUS.AGORA O PROTESTANTISMO AINDA CHEGA A SERM A PIOR SEITA DE TODOS OS TEMPOS .PQ E FALSA,E PREGAM CONTRADIÇOES DE DEUS,DE JESUS ,DA BIBLIA,OUTRAS SEITAS PELO MENOS ASSUMEM UM POUCO,MAS OS PROTESTANTES SAO CONTRA DEUS,SAO FALSOS ,FALAM DE MIM SO COM OS LABIOS; MAS COM O CORAÇAO LONGE DE MIM

    • “Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; deveis, porém, fazer estas coisas, e não omitir aquelas. Condutores cegos! que coais um mosquito e engolis um camelo.”

      Estas palavras estão no Livro Sagrado dos Cristãos. Quase dois milenios depois elas cntinuam atuais.

    • Nunca li tanto absurso de uma só vez. Sua capacidade em escrever asneiras é monumental, traduz uma total falta de conhecimento histórico-cultural. Por favor vá estudar e aprender sobre o protestantismo e a igteja católica. Melhor calar-se do que emitir opinião tão insignificante. Meus profundos sentimentos por sua total ignorância!

  17. Por favor!!! já não aguento mais ler tudo que o idiota do RiCo e companias escrevem, só sabem escrever asneiras e de tantas asneiras que escrevem nem conseguem enxergar naquilo que lêem…se é que lêem mesmo a matéria do nosso querido autor né?…parece que não, então abrem bem as pestanas e movimentem os neurónios naquilo que vocês RiCo e companias vão ler a seguir (se é que sabem ler…também se não, podem estar descansados não vos condeno por isso, é que eu não sou tão ignorante como vocês):

    “Sabemos que a maçonaria aceita qualquer pessoa, independente de seu credo religioso. A loja recebe muçulmanos, espíritas, budistas, entre outros, como membros. E também satanistas, magos e bruxos, inclusive nos mais altos graus. Nomes como Aleister Crowley, Albert Pike, Lynn F. Perkins (fundador da Nova Era), Jorge Adoum (Mago Jefa), Charles W. Leadbeater e o mágico Manly P. Hall11 constam de sua lista de participantes”.

    “No hebraico, o termo Adonai significa literalmente “Senhor” ou “Mestre”. É sinônimo de Yahweh (transcrito como “Senhor” na Bíblia de Almeida) e Elohim (traduzido “Deus”, ou seja, o nosso Deus). Albert Pike diz, absurdamente, que o nosso Deus é o deus das trevas, que odeia os homens! Que contraste com a revelação bíblica, que afirma: “Há muito que o Senhor me apareceu, dizendo: Porquanto com amor eterno te amei, por isso com benignidade te atraí” (Jr 31.3). E ainda: “Nisto está o amor, não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou a nós, e enviou seu Filho para propiciação pelos nossos pecados” (1Jo 4.10)”.

    É melhor ir estudar bem a história dos primeiros satánicos a se revelarem no mundo, e se conheces bem a maçonaria, vais perceber que eles controlavam grandes poderes obscuros “fantásticos”, isto é, eram pessoas extremamente “inteligentes” mas ao mesmo tempo perversas e com ideias horrendas e ainda assim falavam em nome da maçonaria. Isto é o mesmo que dizer “A bomba foi feita pelas mão erradas mãos erradas”.

    Então isto quer dizer que essa inteligência não é proveniente de Deus do bem, mas sim de um anjo rebelde que ousou em desafiar a Deus, com intuito de se tornar com Ele, mas como se sabe Deus é só um e não se pode se pode adorar a tantos “Deuses”.

    E RICO COLOCA UMA COISA NA TUA CABECINHA QUE NEM CONSEGUE PENSAR EM CONDIÇÕES:

    QUANDO ESTIVERES NA PASSAGEM PARA O CONFORTO E PROTECÇÃO DE DEUS E SEU FILHO (também deus) PRIMOGÉNITO NÃO TERÁ TABULETAS DIZENDO SÓ ACEITAMOS CATÓLICOS OU EVANGÉLICOS, MUSSULMANOS OU BUDISTAS, HINDUS OU TESTEMUNHAS DE JEOVÁ OU AINDA “MAÇONS”, PORQUE A CATÓLICA ACREDITA QUE É A RELIGIÃO VERDADEIRA, TAMBÉM OS OUTROS ACREDITAM QUE SÃO, ENTÃO AÍ, E PRIMEIRAMENTE NA MIMHA LÓGICA DEUS AO INVÉS DE ESTENDER A SUA SUA BENDITA MÃO PARA TE ACOLHER, ANTES PORÉM ESTENDERÁ A SUA MÃO ATÉ O SEU CORAÇÃO E AO TEU CERÉBRO: CORAÇÃO PRÁ CONFIRMAR QUE REALMENTE ÉS UMA BOA OU MÁ PESSOA E CERÉBRO PRÁ TE FAZER LEMBRAR DAS BOAS OU MÁS ACÇÕES QUE REALIZASTES E AÍ CARÍSSIMO RICO SÓ ASSIM SABERÁS SE VAIS PRA O CONFORTO DE DEUS OU AO DESCONFORTO DO DIABO…

    E VOCÊ 666 A P. Q. P NÃO TE VAI ESCONDER DE NOVO NO SEU VENTRE, PORQUE SÓ UM DEFENSOR DO dIABO (um maçónico) USARIA TERMOS DESTA NATUREZA PRÁ COM OS OUTROS USUÁRIOS PERCEBEU… E DEUS VAI REDUZIR A TUA BESTA 666 EXACTAMENTE ASSIM : 6 – 6 – 6 = 0

    VIVA AO ÚNICO SENHOR SÔB A FACE DA TERRA!!!!

  18. ESTOU NO 11○ MONOGRAFIA DOS CAVALHEIRO TEMPLARIOS,COMO DEVO
    ESCOLHER UMA LOJA PARA CONTINUAR OS ENSINAMENTOS DE INICIANTE.
    MUITO BRIGADO
    A..A..D..U..

  19. ESTOU COMO INICIANTE MONOGRAFIA 11 ○ GOSTARIA QUE ME INFORMASE
    COMO DEVO ESCOLHER UMA LOJA,PARA DAR CONTINUIDADE AOS ENSINAMENTOS
    DE INICIAÇAO.
    DESDE JÁ MUITO OBRIGADO
    A..G..A..D..U..

  20. Observei atentamente que você domina parte do assunto sobre maçonaria. Isto quer dizer exatamente que ou você foi iniciado nos Sublimes Princípios da Maçonaria Universal e hoje, fazendo uso da hermenêutica busca confundir os cristãos, ou você pesquisou e encontrou o que procurava, o que prova que o grande segredo da maçonaria é não ter segredo.
    Observei que você é um protestante, só não consegui identificar qual o segmento, mas ser protestante não é nenhum defeito. Defeito é a falta de caráter na busca incessante pela desinformação desvirtuando os fatos. No momento, repete o erro de outro segmento do cristianismo, o catolicismo, quando perseguiu (e ainda persegue de forma surda e absurda) os judeus, alegando que eles haviam “matado” cristo, que era um judeu e que foi julgado pela lei mosaica.
    É o velho hábito (o uso do cachimbo deixa a boca torta) dos protestantes de se acharem os donos da verdade. Criticam o “trono de ouro”, mas agem como se estivessem sentados nele. Afirmam e bradam que somente eles são cristãos ou evangélicos, e que o “resto é o resto”. Esquecem que cristão é todo aquele que crê em Cristo como o messias, como o salvador, e que evangélico é aquele que segue o evangelho, o que todo cristão faz, independente do segmento religioso, seja ele católico, espírita, protestante e etc….
    Apesar da maçonaria não ser uma religião, os princípios básicos para ser iniciado nos Sublimes Princípios da Maçonaria Universal são: Acreditar no Supremo Criador (D’us), ser livre, ter bons costumes e observar os deveres preestabelecidos, requisitos básicos que qualquer organização da sociedade, seja ela religiosa ou não, quer entre os seus membros e filiados, caso contrário deverá ser considerada como uma organização criminosa ou no mínimo à margem da lei.
    A Maçonaria foi constituída por Salomão na construção do Templo Sagrado. A grande diferença entre a estrela de Davi e a estrela de Salomão é o círculo, o primeiro símbolo da maçonaria que traz à luz a união dos maçons (pedreiros), a prova cabal de sua sabedoria, considerando que Salomão se incluiu entre os obreiros do templo, ignorando religião, hierarquia ou classe social.
    Acreditar na Santíssima Trindade é um dever e uma obrigação de todo Cristão, e não sendo a maçonaria uma instituição religiosa, estaria indo contra seus próprios princípios a tentativa de “evangelizar” os Irmãos que professam outras crenças, erros cometidos desde os primórdios do cristianismo e que se mantém até a presente data, desde a evangelização dos povos silvícolas, até as tentativas de conversão de judeus, islamitas, hindus e etc…, uma verdadeira afronta à civilização, fruto de muitas divergências e guerras.
    No mais, …quão bom que os irmãos vivessem em união…
    SÉRGIO PRATA.’. (sergio.prata@ibest.com.br)

  21. gostei muito do que li,pena que cada um raciocina da maneira que quiser,nao podemos disser que essa,ou aquela versao e ou nao verdadeira.devemos ler,raciocinar,conparar,absorver,e por ultimo diferenciar a melhor maneira de vermos as coisas.

  22. RIZZELLI, vc tá sumido!!! Aparece, tá?!!! Gosto muito de ler seus textos. Deixei um recadinho em outra parte do blog. bjim.

  23. Estou muito feliz em fazer essa leitura é muito importante para meu conheciomento sobre o assunte qaue me intereça muito dei-mes mais informação sobre o assunto eu quero saber como faço parte desta grande familia eu quero fazer uma iniciação

    • vamos esquecer filosofia religiosa.
      cada denominaçao ou religiao ira se defender ou mesmo defender o que voce foi educado a acreditar.
      creia unicamente em deus em espirito e peça sabedoria a ele, ele e o unico capaz de julgar.
      obrigado

  24. O Senhor nos deixou escrito que voltaria para restabelecer o Tabernaculo de Davi, que esta em ruinas. Sabemos que no Tabernaculo de Davi tinha misericordia e atualmente praticamente nao ha misericordia. Muitas denominacoes afirmam que quem nao paga o dizimo esta roubando de Deus; isto e’ anti-biblico. Outras consideram que as mulheres que cortam os cabelos, mas nao tosqueiam e as mulheres que usam calca-comprida feminina honesta estao em fraqueza, quando na verdade estao elas de fato seguindo a Biblia. Seguir a Biblia como de fato esta escrito, e’ para os deturpadores estar em fraqueza. Quanta falta de misericordia!!!! Nao cobram o dizimo, mas alteram o que esta escrito na Biblia. Nao ha saida para quem quer fazer parte de uma denominacao crista. Necessariamente tera de fazer sacrificios, o que a Biblia condena. Vem Senhor Jesus, vem nos libertar das leis humanas e trazer a Tua Justica, a Tua Paz.

    Com relacao a maconaria, rosa-cruz e etc tenho a dizer que o Senhor condena os que trabalham em oculto. Nao faz parte da igreja de Cristo, porque o pecado e’ muito grande e nao ha’ arrependimento, e os que se arrependem e buscam a Cristo sao perdoados.
    De todas as nacoes e tribos. A maior democracia que possa existir. A democracia do nosso Deus, do Deus de Abraao, Isaque e Jaco, do Senhor Jesus Cristo.

    Que a Paz do Senhor Jesus esteja consco. Amem

  25. Somente os judeus e os cristaos se arrependem, se humilham e sentem remorso por erros comentidos, ou seja o povo da Biblia. Os antigos egipcios nao se arrependiam de nada, pois eram ensinados a pensar que nao erravam e portanto nao precisavam sentir culpa. Cleopatra perdeu os pais com 15 anos de idade. Seu irmao estava com 14 anos. Ela o matou com medo de que o irmao poderia requerer o trono no futuro. Ela nao sentiu remorso ou arrependimento. Estamos recebendo um ensinamemto para nao nos sentirmos culpados. Querem arrancar de nossos coracoes o sentimento de culpa, para negarmos a necessidade do perdao de Deus e assim nos afastarmos Dele. Na rosacruz ensina-se a nao sentir culpa. Ensina-se que os rosacruzes nao erram. Tambem a sheicho-no-ie nos ensina que somos perfeitos, quando na verdade estamos todos destituidos da gloria de Deus, e precisamos de Sua intercessao para nos tornarmos melhores. Somos imperfeitos e erramos. Perfeito e’ Deus e Deus nao erra.

  26. DEIXO A TODOS A SEGUINTE QUESTÃO: TODOS SABEMOS QUE DEUS É ONIPRESENTE E ONIPOTENTE. POIS BEM, COMO ELE COM ESSES ADJETIVOS ADMITIRIA A EXISTÊNCIA DE UM INIMIGO QUE TRARIA DISCÓRDIA ENTRE SEUS FILHOS. CREIO QUE É MAIS FÁCIL GERENCIAR UMA FAMÍLIA LIGADA PELO AMOR DO QUE UMA FAMÍLIA LIGADA PELA DISCÓRDIA. POIS BEM, O BEM E O MAL, DEUS SABE QUE EXISTE E SABE SUAS FORÇAS. AGORA, NÓS, FILHOS DE DEUS, POIS NÃO SOMOS FILHOS DE OUTRO, POIS FOI DEUS QUEM NOS CRIOU, É QUE EMBUIDOS DE INVEJA, CIUMES, PAIXÕES, ORGULHO, VINGANÇA, ETC, É QUE NÃO SABEMOS GERENCIAR ESSES MALEFÍCIOS, POIS, MUITOS DIZEM QUE UM REVÓLVER É COISA DO INIMIGO, PORÉM, ESTEJA VÇ NO MEIO DO MATO CERCADO DE FERAS O QUE NÃO DARIA PARA TER UM REVÓLVER PARA SE DEFENDER, ORA, ATÉ MOMENTO ATRÁS ELA ERA OBRA DO INIMIGO E AGORA PASSOU A SER OBRA DO AMIGO. CRISTÃOS, JUDEUS, MAÇONS, ETC, DEIXEM DE BRIGAR E TENTAR POR ORGULHO PRÓPRIO ENTAR IMPOR A SEU IRMÃO QUAL O MELHOR CAMINHO A SEGUIR. ELE, O IRMÃO, É QUE DEVERÁ SABER O MELHOR CAMINHO A SEGUIR. ISSO É COISA PESSOAL QUE SE ENCONTRA GUARDADO DENTRO DO CORAÇÃO DE CADA SER HUMANO. COMO DISSE É MAIS FACIL GERENCIAR UMA FAMÍLIA EM HARMONIA DO QUE EM DESARMONIA. É MELHOR PARA O INIMIGO A DESARMONIA DO QUE A HARMONIA. APENAS FECHANDO, O GRANDE ENIGMA DE NOSSA EXISTÊNCIA E DA MÁXIMA: O SER HUMANO NADA CONHECE DOS SEGREDOS ENTRE A TERRA E O CEU. POR FIM, DIGO AINDA: DEUS É PODEROSO; SE ELE É PODEROSO ELE PODE CONTRUIR UMA PEDRA QUE NÃO PODE CARREGAR? SE ELE CONSTRUIR UMA PEDRA QUE EL NÃO PODE CARREGAR ELE NÃO É PODEROSO, AO CONTRÁRIO, SE ELE NÃO CONSTRUIR UMA PEDRA QUE ELE NÃO PODE CARREGAR ELE TAMBÉM NÃO É PODEROSO. ENTENDERAM A MENSAGEM. O AMOR, COMPAIXÃO, HARMONIA ESTÁ DENTRO DE CADA SER HUMANO E CADA SER HUMANO SABE DISSO. DEIXE PARA DEUS AS COISAS DE DEUS E PARA OS HOMENS AS COISAS QUE DEUS DEIXOU, OU MELHOR, TODOS SÃO FILHOS DO MESMO PAIS E DEVEM VIVER EM HARMONIA. FUI BATIZADO, CRISMADO NA DOUTRINA DA RELIGIÃO CATÓLICA. HOJE ESTOU AFASTADO, MAS POSSO DIZER COM CONHECIMENTO DE CAUSA: SOU MAIS CRISTÃO.

  27. BEM, ACHO QUE POSSO DEIXAR UMA DICA DE COMO SE SABER BASTANTE SOBRE ESSE ASSUNTO. LI UM LIVRO ESCRITO POR UM MAÇOM QUE ESTAVA PRESO QUANDO O ESCREVEU. O LIVRO SE CHAMA ” O INICIADO” E PODE SER VISTO E COMPRADO NO SITE
    http://www.bookess.com/read/11645-bookess-template-14×21-word20031/
    O CARA FAZ UMA VIAGEM SURREAL E COLOCA REFLEXÕES RELIGIOSAS E MISTICAS, ALÉM DE SEGREDOS TENEBROSOS. VOCE PODE LER AGUMAS PÁGINAS E AINDA RECEBELO EM CASA SE COMPRAR NO SITE. JORGE.

  28. BOA TARDE,GOSTEI DE LER ESTA MATERIA,APESAR DE SER COMPLEXA MUITO APRENDI,SOU EVANELICO,O QUE ACONTECE E QUE CADA UM QUER DEFENDER A SUA PLACA DE IGREJA,MAS NA SANTA PALAVRA DE DEUS ELE DIZ : O HOMEM É LIVRE PRA ESCOLHER SEU CAMINHO,E A MAIORIA CRITICA O QUE NAO CONHCE,SO SEI DE UMA COISA O NOSSO DEU REQUER DE NOS A PAZ , UNIÃO E A FRATERNIDADE,TENHO VARIOS AMIGOS EM VARIAS RELIGIÃO,GOSTO DE TODOS COMO IRMÃO ,QUERIA TER TODOS COMIGO NO EVANGELHO MAS O HOMEM É LIVRE PRA ESCOLHER SEU CAMINHO, ESPEITO A TODOS E ISSO NÃO NOS DEIXA DE NOS FAZEMOS MAIS OU MENOS AMIGO.

  29. quero ficar longe de religioes.e se perto de Deus!porque religiao enloquece qualquer um.todos fica com Deus…

  30. Legal.

  31. a ignorância do indivíduo que escreveu esse texto me assusta!

  32. Para quem pretensiosamente se dispõe a tirar dúvidas dos outros me deixa perplexo tamanha falta de informação e preconceito hipócrita. O autor realmente segue à risca os ensinamentos dos falsos profetas e pastores gananciosos, dos quais nem A Grande Besta se orgulha, pois não passam de homens pequenos e de nenhum caráter, que sob o pretexto de iluminar apenas trazem confusão aos ignorantes com seu pouco ou nenhum saber.
    É de assustar que alguém tão sem noção tenha crédito de escrever num blog sobre assuntos que não domina. Abra sua mente, não atire os desavisados ao abismo escuro de ignorância e mediocridade em que você se encontra.

  33. LI TUDO E TODOS POIS ME FASCINA O TEMA.NO ENTANTO EU O ABORDO POR OUTRO ÃNGULO NUMA LEITURA MAIS SIMPLES E LÓGICA DIRIGIDA AOS GOTEIRAS E LEIGOS PROFANOS SEM INSTRUÇÃO ACADÊMICA COMO EU.SÃO AS MINHAS EXPERIÊNCIAS PESSOAS E GOSTARIA QUE PRESTIGIASSEM COM SUAS CRÍTICAS. RECANTO DAS LETRAS AUTOR BRONQUINHA. OBRIGADO.

  34. quero ser um mason, eu vivo em Angola no continente Africano.

    O que eu faco?

  35. Decifra- me ou te devoro, conheça a Verdade e a Verdade te Libertará: Jesus nos fez Cristo por isso somos UM. Lembremo-nos;argumentos confusos não liberta muito pelo contrário só nos aprisiona. Até aonde eu conheço da Bíblia não encontrei a indicação de nenhuma religião, na verdade criticar os outros é muito fácil, quero ver é fazerem a “mea culpa” e uma autocrítica sincera de tudo que acontece e aconteceu de bom e de ruim em cada um dos seguimentos religiosos aqui citados. E pelo que eu saiba Deus não deu procuração prá ninguém falar bobagens e fazer intrigas em seu Santo Nome, cada um faz isso por sua conta e risco. Então meus queridos e amados irmãos em Deus e em Cristo, não percam tempo divulgando o mal dos outros, pois este tempo precioso vai fazer falta prá fazer o Bem. Que Deus ilumine todos nós e que a Inteligência e a Razão reinem em cada um dos nossos dias.

  36. CARISSIMOS DEUS ´´E UNICO PARA TODOS,MARÇON. PROTESTANTES, ESPIRITA OU O DE QUE RELIGIÃO FOR, ACREDITO NA BOA CONDUTA, NO ESFORÇO PARA MELHORIA DO PRÓXIMO, NO ESFORÇO PARA UMA SOCIEDADE MELHOR, NO MUNDO ESPIRITUAL NÃO HÁ DIVISÕES, SÓ OS HUMANOS TEM ESSAS IDEIAS, DEUS ARQUITETO DO UNIVERSO,OLHO QUE TUDO VE TUDO PROVE, OU O NOME QUE FOR, CHEGARÁ NO FINAL NO MESMO LUGAR NA MESMA IDEIA., MESMA ESSENCIA, HUMANOS SÃO LIVRES PARA FAZER SUA ESCOLHA, TODOS CHEGARÃO AO PAI DE QUALQUER FORMA.

  37. legal acho uma coisa legal o que estao a fazer

  38. e tambem quero dizer que quero ficar longe das pessoas que sao religiosas e que fazem tudo por aquela igreja e tambem este texto me assusta muito

  39. Em primeiro lugar parabéns à todos pelas manifestações. Embora deva dizer que as agressões verbais são totalmente desnecessárias. O Artigo em si é confuso, arbitrário e condenatório, julga a Maçonaria como se Deus fosse, e isso é cruel do ponto de vista cristão, pois não há na Bíblia uma só palavra de Cristo condenando qualquer religião, ao contrário, convocou todos nós à praticar o Bem em nome de Deus. Quem condena não é digno de ser cristão. Na verdade devemos cada um de nós dá exemplos de vida na senda da Virtude e evitar em nome de Cristo o julgamento ao próximo, nos termos de Mateus 7.- UM FELIZ 2014 À TODOS OS IRMÃOS E QUE A PAZ DE CRISTO ESTEJA SEMPRE CONVOSCO.

  40. Se olharmos a palavra DEUS veremos que a palavra central é EU.
    Mas que EU é este será aquele “euzinho” egoísta cheio de desejos, ambições, raivas, ódios mesquinharias, ou será um EU cheio de compaixão pela humanidade, de amor ao próximo e de agradecimento ao Criador.

    Podemos ver que a essência central é o nosso “EU” (não eu).
    O Eu interior de cada um é o sentimento mais legítimo que o Ser pode ter.Todos podem te enganar ,teus pais, parentes, amigos, entes queridos, pastores, padres , sacerdotes e até mesmo o teu “eu” ,mas o teu “EU” jamais te enganará, por ser a essência mais pura de Deus dentro de ti e que tu deves conhecer.
    “Conhece a Ti mesmo” ou “Conhecereis a verdade e esta vos libertará” Talvez sejam as frases mais importantes da humanidade, ou pelo menos deveriam ser para os buscadores sinceros, e místicos buscadores da Luz Divina.

    Não devemos esquecer que estamos nas “voltas finais de uma espiral” cósmica que começou no momento da “discórdia” do Criador e lúcifer, e que a partir de então tivemos duas classes de seres:
    OS CAÍDOS provenientes da rebelião luciferiana e OS SERES DE LUZ fiéis ao Criador.
    Naturalmente esta e uma guerra cósmica que começou a éons, e que nestes “momentos finais” deflagra-se nos mais variados combates tentando ludibriar a humanidade com vários pressupostos inclusive na “inversão dos papéis ” onde tentam diminuir os valores religiosos,familiares,filosóficos , dizendo que o demônio, lúcifer ou qualquer ser do mal foram injustiçados, etc. etc. e que Deus é o verdadeiro mal.
    Não é de se estranhar que que tudo o que havia de bom, do bem e do belo foram gradativamente sendo deturpados,(e continuam a ser) pelas forças cósmicas do mal , a qual se aproveitam da bondade do SENHOR DEUS ADONAI , o qual pacientemente tolera as mazelas humanas pela lei do “livre arbítrio”.As sagradas escrituras, a Bíblia Sagrada , (que por mais que os ateus atoa tentem reduzir a nada,pois estes “atoas” fazem parte das legiões dos caídos) enfatiza com sabedoria essa época basta tirarmos as vendas dos olhos.
    Quando falo em “tirar as vendas dos olhos” não quero dizer para seguirem pastores e religiões cujos líderes são sedentos por dinheiro poder rádio e televisão, mas sim seguir o seu EU Divino, o seu DEUS interior a sua consciência Divina a qual não cobra nada e te traz paz sabedoria conhecimento e elevação espiritual.
    Não estranhe quando ouvir falar que lúcifer é o verdadeiro deus,ou que o mal foi injustiçado, ou que Deus, Jesus,Buda, entre outros tantos mestres não passam de charlatães e mentirosos.Isso é uma prova CABAL de que a BÍBLIA DO SENHOR DEUS DE ISRAEL É VERDADEIRA já que relata pormenorizadamente que estes fatos devem acontecer, e estão acontecendo.
    Deixe que os “ateus atoas”, falem o que quiserem,pois mesmo sendo de uma via negativa eles estão (de forma a não concordarem jamais) confirmando o que diz o SENHOR DEUS DE ISRAEL.
    Provavelmente o EU dos ateus, lá no fundo no seu âmago, sufocado pelas forças das trevas grita EU SOU ATEU GRAÇAS A DEUS”
    A LUZ DE DEUS SEMPRE VENCE.

  41. Eu acredito porque assistir um video antigo de es maçoes dando o seu depoimento pensando que so era uma seita mais decobriram que tinha algo de errado tinham que fazer pactos com a faca no peito e com a venda no rosto e todos que vc sitou no texto

  42. Eu acredito porque assistir um video antigo de es maçoes dando o seu depoimento pensando que so era uma seita mais decobriram que tinha algo de errado tinham que fazer pactos com a faca no peito e com a venda no rosto e todos que vc sitou no texto

  43. Sempre fui um admirador da história da maçonaria.

  44. Só confusão…

  45. Só prova como o cristianismo é uma bela bosta!! Só retardado mesmo pra seguir aquele conto de fadas rídiculo…

  46. Os únicos cristãos verdadeiros são o próprio Cristo e Francisco de Assis. Os que se dizem cristãos e não segue os mandamentos, principalmente o “Não matarás” são farsantes e culpados de todos os outros, pois quem quebra um quebra todos os outros. Isto está na própria Bíbliair.

  47. EXCELEMTE EXPOSIÇÃO – SUA EXPOSIÇÃO VAI ALÉM ” TALVEZ ” DO.QUE VOCE IMAGINA – AINDA MAIS COM OS VERSICULOS USADOS COMO BASE – MAÇONARIA A PARTE – A EXPOSIÇÄO MEXE COM A APOSTASIA E SINCRETISMO RELIGIOSO , ETC … NO MEIO EVANGELICO. ,…,. * PARABENS – QUE DEUS O ILUMINE E CAPACITE MAIS E MAIS …… SIMPLES, OBJETIVO E BEM ESCLARECEDOR …,. ainda toca a apostasia e sincretismo – * Salvai-vos – diz Pedro em Atos dos Apóstolos 2 ..


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: